O presente simples pode ser usado para expressar:

1- uma ação habitual, ou seja, aquilo que costumamos fazer sempre:

I always leave home at 7:00. (Eu sempre saio de casa às 7h).
They generally have lunch at the shopping mall. (Eles geralmente almoçam no shopping).
I never work on Sundays. (Eu nunca trabalho aos domingos).

2- uma verdade universal:

Babies cry. (Crianças choram).
Dogs bark. (Cachorros latem).
Birds sing. (Pássaros cantam).

O“do” e o “does” são os dois auxiliares do presente simples, e eles sempre devem ser usados em frases negativas e interrogativas, conforme a tabela abaixo:

Negativas Interrogativas
I do not / I don’t Do I …?
You do not / you don’t Do you …?
He does not / he doesn’t Does he….?
She does not / she doesn’t Does she…?
It does not / it doesn’t Does it…?
We do not / we don’t Do we…?
You do not/ you don’t Do you …?
They do not / they don’t Do they…?

Ex.:

I don’t have to work today. (Eu não tenho que trabalhar hoje).
She doesn’t have to wash the dishes. (Ela não tem que lavar a louça).
They don’t go to school on the weekends. (Eles não vão à escola nos finais de semana).

Do you generally wake up at seven? (Você geralmente acorda às 7h?).
Does the dog bark a lot during the night? (O cão late muito durante a noite?).
Does he work as a waiter at that new restaurant? (Ele trabalha como garçom naquele novo restaurante?).

Não é necessário o uso dos auxiliares “do” e “does” nas frases afirmativas, no entanto, os verbos sofrem algumas alterações nas terceiras pessoas do singular (he, she, it). Como regra geral, deve-se acrescentar um “s” no verbo para essas pessoas.

Ex.:

Mary lives downtown. (A Maria mora no centro da cidade).
Bob loves chocolate. (Bob ama chocolate).
Susan’s dog sleeps a lot during the day. (O cachorro da Susan dorme muito durante o dia).

No entanto, existem algumas exceções que se referem às terceiras pessoas do singular (he, she, it). São elas:

1- Quando o verbo terminar em “y” precedido de consoante, tira-se o “y” e acrescenta-se “ies”.

Carol studies at a good college. (A Carol estuda numa boa universidade).
Mom fries eggs in a pan. (Mamãe frita ovos numa panela).

2- Quando os verbos terminarem em “ss”, “sh”, “ch”, “x” e “o”, acrescenta-se “es”.

Bob fixes everything at his house. (Bob conserta tudo na casa dele).
Daniel watches cartoon every morning. (Daniel assiste desenho todas as manhãs).
Every day after the meals, my mom washes the dishes. (Todo dia após as refeições, minha mãe lava a louça).
Jack does his homework at night. (Jack faz seu dever de casa à noite).
Cindy kisses her parents every day. (Cindy beija seus pais todos os dias).

________________________________________________

PRESENT CONTINUOUS

Afirmações
As afirmações no Present Continuous utilizam o verbo TO BEe o gerúndio do verbo principal. Exemplos:- I am writing (eu estou escrevendo)
– She is sleeping (ela está dormindo)

Os gerúndios dos verbos no Inglês são constituídos da partícula “ING” no final, seguindo algumas regras:

– Verbos com uma sílaba, terminados com VOGAL+CONSOANTE , dobram a última consoante e depois adiciona-se o ING: stop = stopping , cut = cutting.

– Verbos dissílabos terminados em VOGAL+CONSOANTE, e que a sílaba tônica seja a última, dobra-se a última consoante e adiciona-se o ING. Exemplos: prefer = preferring , begin = beginning . Se a primeira sílaba for a tônica, apenas adicione o ING no final: enter = entering.

– Verbos terminados com E perdem o E e ganham ING: write = writing. Os terminados em EE não perdem nada e só ganham o ING: agree = agreeing

– Verbos terminados com VOGAL+L , dobram o L e ganham ING: travel = travelling (no inglês britânico, pois no americano existem algumas exceções)

– Verbos terminados em IE perdem o IE e ganham Y+ING: lie = lying , die = dying

Interrogações
Para transformar uma frase afirmativa do present continuous em interrogativa, basta trocar o sujeito e o verbo TO BE de posição (e coloca-se o “?” claro!). Exemplos:

– Afirmativa: I am writing | He is crying
– Interrogativa: Am i writing? | Is he crying?

Negações
Basta adicionar o NOT depois do verbo TO BE:
– I am not (ain’t) writing (eu não estou escrevendo)
– He is not (isn’t) crying (ele não está chorando)

____________________________________________________________________

Past Continuous

O passado contínuo é usado para referir a uma situação que estava em andamento em um determinado momento do passado. A construção do passado contínuo deve ser dada segundo a forma:

Sujeito + verbo “to be” no passado (was/were) + verbo com “ing” + complemento.

She was working yesterday night. (Ela estava trabalhando ontem à noite).
He was working at the college. (Ele estava trabalhando na universidade).
The dog was barking a lot yesterday night. (O cachorro estava latindo muito noite passada).

Para a forma negativa, basta acrescentar o “not” após o passado do verbo “to be”(was/were):

They were not studying when I arrived home.  (Eles não estavam estudando quando eu cheguei em casa).
I was not traveling last week. (Eu não estava viajando semana passada).
We were not playing cards during the class. (Nós não estávamos jogando baralho durante a aula).

Para elaborar uma frase interrogativa é necessário colocar o passado do verbo “to be” (was/were) no início da frase:

Was Lisa copying Marianne’s exercises? (A Lisa estava copiando os exercícios da Marianne?)
Was Bob riding a horse with his friends on the farm yesterday? (O Bob estava andando a cavalo com seus amigos na fazenda ontem?)
Were you two dancing during the P.E. class yesterday? (Vocês dois estavam dançando durante a aula de Educação Física ontem?)

Se surgir alguma dúvida quanto ao uso do verbo “to be” no passado, basta consultar a tabela abaixo:

Personal pronouns
(Pronomes Pessoais)
 Verbo “to be” no presente Verbo “to be” no passado
I am was
You are were
He is was
She is was
It is was
We are were
You are were
They are were
________________________________________________________________________________
Simple Past

O passado simples dos verbos regulares é marcado pelo sufixo “ed”. Já os verbos irregulares possuem formas próprias, e caso surja alguma dúvida é só consultar a tabela do passado dos verbos irregulares nesse mesmo site.

Em frases afirmativas, a forma do passado simples é: Sujeito + passado do verbo + complemento.

She broke her leg. (Ela quebrou sua perna).
He studied a lot yesterday. (Ele estudou bastante ontem).
The dog barked a lot last night. (O cão latiu bastante na noite passada).
They woke up late this morning. (Eles acordaram atrasados esta manhã).

Para as sentenças negativas é necessário utilizar o auxiliar “did” + “not” para todas as pessoas. O auxiliar deve vir sempre após o sujeito. Ele pode vir na sua forma completa, “did not”, ou abreviada, “didn’t”. Pelo fato de já estarmos usando o auxiliar do passado, “did”, o verbo deve vir sempre no infinitivo sem o “to”, e jamais conjugado no passado.

They did not wash the car this weekend. (Eles não lavaram o carro esse fim de semana).
We didn’t send e-mails to our parents. (Nós não mandamos e-mails para os nossos pais).
I didn’t see Jack at the party yesterday. (Eu não vi o Jack na festa ontem).
She did not cut her nails. (Ela não cortou suas unhas).

Nas frases interrogativas, assim como nas negativas, é necessário utilizar o auxiliar “did”, logo, vale relembrar que o verbo nunca deve vir conjugado. Na construção de frases interrogativas, coloca-se primeiro o auxiliar “did”, seguido do sujeito + verbo no infinitivo sem “to” + complemento.

Did Mary and Carol go to the mall last week? (A Mary e a Carol foram ao shopping semana passada?).
Did Phillip buy his mother a gift? (O Philip comprou um presente para a sua mãe?).
Did Amanda sing at the festival? (A Amanda cantou no festival?).
Did John give you all this money? (O John lhe deu todo este dinheiro?).